Jorginho dá posse a novos integrantes do governo, mas filho desiste da Casa Civil

Filipe Mello surpreendeu ao recuar mesmo depois da derrubada da liminar que o impedia de assumir a função

Jorginho dá posse a novos integrantes do governo, mas filho desiste da Casa Civil
Filipe Mello desistiu de assumir a Casa Civil do Governo do Estado // FOTO ARQUIVO PESSOAL

Em ato que antecede a primeira reunião do Colegiado de 2024, na sede da Fiesc, em Florianópolis, o governador Jorginho Mello dará posse aos novos integrantes do primeiro escalão do governo nesta quarta-feira, dia 10, porém, sem o seu filho, o advogado Filipe Mello, que havia sido anunciado para a Secretaria da Casa Civil em substituição ao deputado Estêner Soratto (PL), que deixou o cargo no final do ano passado para assumir cadeira na Assembleia Legislativa, pois pretende disputar as eleições municipais de 2024.

Mesmo depois de decisão favorável da justiça, que derrubou a liminar, Filipe surpreendeu ao desistir de assumir a função. O anúncio foi feito ontem à tarde, pelo próprio Filipe em suas redes sociais. Segundo ele, em conversa com o pai ambos decidiram que o melhor é que fique auxiliando o governador sem cargo no governo. "Quem nos conhece sabe da relação que temos e sabe que não preciso de emprego. Minha vida está solidificada na advocacia", escreveu Filipe. Mais adiante, ele afirma: "Me sinto feliz por por ver que, mesmo aqueles que criticam, reconhecem que minha capacidade técnica e meu currículo me qualificam para a função".   

Entenda a polêmica

As conversas para que o filho do governador Jorginho Mello (PL) ocupasse oficialmente um cargo no governo começaram antes mesmo da posse do atual governador, no final de 2022, porém, na oportunidade, ambos concluíram que a experiência de Filipe seria melhor aproveitada nos bastidores do governo. Passado um ano, após forte pressão de boa parte da base parlamentar de Jorginho na Alesc, o chefe do executivo decidiu anunciar o filho para ocupar a poderosa Secretaria da Casa Civil. Um dia depois, o juiz de 2º grau substituto, João Marcos Buch, acatou o pedido de liminar do PSOL e impediu a nomeação de Filipe Mello.

No argumento, o magistrado recorreu ao decreto local de 2008, que veda a nomeação de cônjuge, companheiro ou parente para cargos de confiança. Ele também citou a súmula vinculante do STF que veda a indicação de parentes para cargos públicos, segundo ele, “de modo a atender ao interesse público”. 

Na volta do recesso do judiciário catarinense, o desembargador Gilberto de Oliveira derrubou a liminar que proibia a nomeação de Filipe, abrindo caminho para as posses que ocorrem nesta quarta-feira (10). Para surpresa geral, no fim da tarde desta terça-feira (9), com a posse dos secretários já confirmadas pelo setor de Comunicação do governo, incluída a de Filipe Mello, veio o anúncio de desistência. 

Mudanças

Jorginho Mello irá promover nove mudanças de nomes no governo do estado. Veja, abaixo. Na Secretaria de Estado da Administração, o economista Vânio Boing assume a função em substituição a Moisés Diersmann, que foi nomeado diretor do CIASC (Centro de Informática e Inovação de Santa Catarina). Outras mudanças ocorrem na SCPAR, que passará a ser presidida por Renato Dias Marques de Lacerda; no IPREV (Instituto de Previdência de Santa Catarina), que terá à frente o administrador de empresas Mauro Luiz de Oliveira; no Comando-Geral do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, que passará a ser do  Coronel BM Fabiano Bastos das Neves. Ele substituiu o Coronel BM Fabiano de Souza, que assumirá a Secretaria de Estado da Proteção e Defesa Civil. A Secretaria de Estado da Segurança Pública passou a ter à frente o deputado estadual Carlos Henrique de Lima (PL), o conhecido Sargento Lima que até o ano passado ocupava cadeira no legislativo catarinense. 

SECOM tem novo titular
A Secretaria de Comunicação (Secom) também terá um novo titular. Trata-se do publicitário João Paulo Gomes Vieira que substituirá João Debiasi. João Paulo é formado pela faculdade Estácio de Sá/SC e possui MBA em Marketing pela ESPM/SP, Pós-Graduação em Marketing Político e Comunicação Eleitoral pela USP, e Especialização em Global Marketing Management pela University of California Riverside, UCR/USA. Exerceu diversas atividades na área de publicidade e propaganda, e projetos de produção de conteúdo para novas mídias. Atualmente João Paulo trabalha na California Media House, braço de conteúdo da Agência California, uma das maiores agências de Live & Content Marketing do país.

As mudanças

  • Secretaria de Estado da Comunicação – João Paulo Gomes Vieira
  • Secretaria de Estado da Administração – Vânio Boing
  • Secretário de Estado da Proteção e Defesa Civil – Coronel BM Fabiano de Souza
  • Secretaria de Estado da Segurança  Pública – Deputado Sargento Lima
  • Secretaria de Estado da Casa Civil – Filipe Mello
  • CIASC – Centro de Informática e Inovação de Santa Catarina – Moisés Diersmann
  • SCPAR – SC Parcerias S/A – Renato Dias Marques de Lacerda
  • CBMSC – Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina- Coronel BM Fabiano Bastos das Neves
  • IPREV – Instituto de Previdência de Santa Catarina – Mauro Luiz de Oliveira



Imagens

LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

rede facebook | rede twitter | rede instagram | nosso whatsapp | nosso youtube

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 | logo facebooklogo twitterlogo instagramlogo whatsapplogo youtube