Prefeitura de Blumenau anuncia medidas de combate à dengue no município

Entre as ações está o recolhimento de pneus e a intensificação da fiscalização.

Prefeitura de Blumenau anuncia medidas de combate à dengue no município
FOTO: DIVULGAÇÃO/PREFEITURA DE BLUMENAU

Para combater e controlar a proliferação do Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, zika e chikungunya, a prefeitura de Blumenau, por meio da secretaria de Promoção da Saúde (Semus), aderiu à campanha de recolhimento de pneus promovida pelo Estado. Essa é uma das ações de combate à dengue que estão sendo realizadas no município.

Em coletiva de imprensa na manhã desta segunda-feira, dia 5, o prefeito, Mário Hildebrandt, junto da vice-prefeita, Maria Regina de Souza Soar; e do secretário de Promoção da Saúde, Marcelo Lanzarin, reuniu autoridades e imprensa para chamar a atenção da população em relação ao atual cenário de dengue na cidade. 

Para o prefeito, as ações de combate ao mosquito começam no interior das casas. “Além da força-tarefa que a Prefeitura está realizando, é muito importante que os moradores tenham essa responsabilidade em relação aos cuidados nos interiores dos imóveis e, principalmente, nos pátios, porque são as pequenas ações que geram grandes impactos”, acrescenta.

Maria Regina comentou as atividades em conjunto entre as secretarias e a intensificação da fiscalização. “Estamos unindo esforços enquanto Prefeitura, com a intensificação das visitas dos agentes e a utilização da tecnologia, por meio de drones para buscar possíveis focos do mosquito, mas precisamos da ajuda de cada morador para combater a dengue em nosso município.”

O secretário de Promoção da Saúde ratifica a importância do envolvimento de todos para evitar os focos, os casos de dengue e possíveis óbitos pela doença. “Em 2022, nós tivemos sete óbitos. Com o auxílio da população, em 2023, nós conseguimos reduzir os focos, os casos e os óbitos, contabilizando apenas uma morte por dengue. Queremos seguir em 2024 sendo referência e exemplo no combate ao Aedes aegypti. Por isso, nós precisamos que todos estejam envolvidos”.

Descarte de pneus
Em Blumenau, os moradores podem solicitar a retirada dos pneus diretamente no telefone (47) 99997-6941, que foi disponibilizado pelo Samae para que seja dada a destinação correta para este tipo de resíduo. O serviço não tem custo à população. 

“Os pneus também servem como criadouro, por isso, entendemos a necessidade e a importância das ações para a prevenção”, contribui Lanzarin.

Dengue em Blumenau
O primeiro mês de 2024 contabiliza 538 focos do mosquito e 88 casos da doença confirmados, com duas internações. Não há registro de óbito por dengue no período. Como forma de manter a população atualizada dos números da dengue em Blumenau, o boletim voltará a sair semanalmente.

Sinais e sintomas
A primeira manifestação da dengue é a febre alta (39° a 40°C) de início abrupto, que tem duração de dois a sete dias, associada à dor de cabeça, fraqueza, dores no corpo, nas articulações e no fundo dos olhos. Manchas pelo corpo estão presentes em 50% dos casos, podendo atingir face, tronco, braços e pernas. Perda de apetite, náuseas e vômitos também podem estar presentes.

Atendimento ambulatorial
Os Ambulatórios Gerais da Família (AGFs) fazem atendimento nos bairros: Velha;  Escola Agrícola; Garcia; Fortaleza; Itoupava; Badenfurt e Centro, de segunda a sexta-feira, das 7h às 22h. As unidades Estratégia Saúde da Família (ESFs) também oferecem atendimento à população. O endereço e o horário de atendimento das unidades habilitadas estão no site da Prefeitura. 

Demais iniciativas
Na Educação, palestras serão realizadas no início do ano letivo e que envolverão professores, alunos e seus familiares; na Manutenção Urbana e Obras, a fiscalização será intensificada, inclusive com a realização de mutirões de limpeza pela cidade. Já na Comunicação, campanhas de mídia serão utilizadas para atingir um número, ainda maior, de moradores informados sobre a situação da dengue em Blumenau.

Vale lembrar que os agentes continuam visitando estabelecimentos comerciais, terrenos baldios, residências e demais locais para identificar possíveis focos do mosquito Aedes aegypti.

Como evitar a proliferação do Aedes aegypti
• Elimine água parada de todos os recipientes;
• Evite usar pratos nos vasos de plantas. Se usá-los, coloque areia até a borda;
• Guarde garrafas com o gargalo virado para baixo;
• Mantenha lixeiras tampadas;
• Deixe os depósitos de água sempre vedados, sem qualquer abertura, principalmente as caixas d’água;
• Plantas como as bromélias, devem ser evitadas, pois acumulam água;
• Trate a água da piscina com cloro e limpe-a uma vez por semana;
• Mantenha ralos cobertos com telas de malha fina para evitar que o mosquito tenha acesso ao local;
• Lave recipientes com depósito de água, como potes de comida e água dos animais, com escova ou esponja e detergente, no mínimo uma vez por semana;
• Se for necessário que o recipiente fique com água, como no caso de ralos, utilize hipoclorito;
• Retire a água acumulada em lajes;
• Dê descarga, no mínimo uma vez por semana, em banheiros pouco usados;
• Mantenha fechada a tampa do vaso sanitário;
• Evite acumular entulho, pois ele pode se tornar local de foco do mosquito da Dengue.

Denúncia
A população também pode denunciar locais com possíveis focos do mosquito entrando em contato com o Programa de Combate à Dengue, por meio do OuvidorSUS no telefone 156 (opção 4) ou pelo telefone 3381-7770. O atendimento acontece de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h.


Imagens

LEIA TAMBÉM

JORNAL METAS - Rua São José, 253, Sala 302, Centro Empresarial Atitude - (47) 3332 1620

rede facebook | rede twitter | rede instagram | nosso whatsapp | nosso youtube

JORNAL METAS | GASPAR, BLUMENAU SC

(47) 3332 1620 | logo facebooklogo twitterlogo instagramlogo whatsapplogo youtube